O que você procura?

Validating credentials, please wait...
  • Tel: 0800-888-0084 I E-mail info@sensu.com.br

Doutorado em Ciências da Saúde Pública – UCES

Doutorado em Ciências da Saúde Pública – UCES

DOUTORADO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE PÚBLICA

(ênfase em “EPIDEMIOLOGIA” ou ênfase em “SISTEMAS DE SERVIÇOS DA SAÚDE”)

O doutorado é ministrado pela “Universidad de Ciencias Empresariales y Sociales” as aulas acontecem na sede da universidade que fica localizada em Buenos Aires na Argentina.

Aprovado pelo Ministério de Educação, Resolução Nº 1110/12 e credenciado pela CONEAU, Resolução N° RS-2018-14500025-APN-CONEAU / RESFC-2018-34-APN-CONEAU

INFORMAÇÕES GERAIS

Próxima turma: Janeiro 2022.
Idioma: As aulas serão ministradas em espanhol.
O candidato que não tenha curso de pós-graduação poderá ter que cumprir mais créditos acadêmicos, definidos pela comissão acadêmica do curso.
Duração: 1(um) ano e 6(seis) meses (fase de aulas presenciais) divididos em 4 períodos, sempre nos
meses de janeiro e julho, e mais três anos para a elaboração e defesa de tese.
Local das aulas:
Sede da Universidad de Ciencias Empresariales y Sociales – UCES, Rua Paraguay 1338. Capital Federal, Buenos Aires / Argentina;
– Recomenda-se que se faça um seguro internacional de saúde pelo período em que for permanecer no país;
– Recomenda-se o uso de passaporte como registro de permanência na Argentina, comprovando a data de entrada e saída no país.
– Recomenda-se ao doutorando que proponha um Co-orientador de tese brasileiro acompanhado de currículo vitae (não obrigatório);

RECONHECIMENTO DO DIPLOMA

Todos os cursos oferecidos pela SENSU cumprem 100% dos requisitos do MEC para que nossos alunos não tenham nenhum tipo de problema com o título. Os diplomas são válidos automaticamente para fins de docência e pesquisa.

TITULAÇÃO

Doutor em Ciências da Saúde Pública com ênfase em Epidemiologia ou ênfase em Sistemas e Serviços de Saúde

O objetivo do Doutorado em Saúde Pública é contribuir ao desenvolvimento de recursos humanos que contribuam para a pesquisa científica e geração de conhecimentos no terreno da Saúde Pública. De modo que pretende enriquecer ao avanço da ciência, ao enfoque das questões que no plano da Saúde Pública propõe nossa sociedade e à consideração de novas soluções.

Tanto a ênfase em Epidemiologia quanto a ênfase em Sistemas e Serviços da Saúde vinculam-se a meta institucional de orientar a pesquisa e a produção do curso para a problemática de grande significação estratégica, tanto para a instituição quanto para a sociedade.

A ênfase em Epidemiologia inclui: – no objetivo de estudo – a saúde excedendo a noção da doença, para enfatizar o fenômeno no marco de múltiplos fatores concorrentes á existência dos agentes patógenos e a determinação de seus vetores, e considerando que não só trata se de um campo do conhecimento alem e de um campo de práticas, que incumbem ao conjunto das instituições da sociedade.

A ênfase em Sistemas e Serviços de Saúde procura orientar a produção de conhecimento para compreender as mudanças nos diversos sistemas e serviços de saúde, no marco do impacto das políticas de Saúde Publica, além de procurar construir um conhecimento local na perspectiva internacional da problemática da Saúde Publica.

Formados universitários na área de: Medicina; Odontologia, Enfermagem, Bioquímica, Farmácia, Psicologia, Administração de Sistemas e Serviços da Saúde, ou outros formados universitários de outros cursos, que possuam Mestrado vinculada ao campo da Administração de Serviços de Saúde, em Saúde Pública ou outros cursos de pós-graduação na área da Saúde Pública.

O curso é oferecido no formato intensivo e presencial, dividido em duas etapas. A primeira delas onde o aluno deve assistir às aulas presenciais e cumprir a carga horaria mínima necessária para a conclusão do curso, e a segunda etapa, onde o aluno deve elaborar e defender a tese.

1ªEtapa: As aulas acontecem de forma concentrada e são divididas em 4 módulos. Um módulo por semestre de duas semanas cada, que acontecem nos meses de Janeiro e Julho. Cada módulo de aula tem duração aproximada de 14 dias, durante esse período o aluno deve se deslocar à sede da universidade para assistir as aulas.

Uma vez que tenha assistido os 4 módulos de aula o aluno conclui a primeira etapa do curso, que tem duração de 1 ano e 6 meses.

2 ª Etapa: A segunda etapa do curso consiste na elaboração, aprovação e defesa da tese, e pode ser iniciada durante a execução de qualquer um dos módulos de aulas. Após a conclusão da primeira etapa do curso, o aluno tem um prazo máximo de 2 anos cronológicos para aprovar o projeto de tese, e uma vez que o projeto de tese tenha sido aprovado, o aluno terá um prazo de 3 anos cronológicos para concluir a tese e realizar a defesa.

Os candidatos admitidos no curso de Doutorado deverão ser aprovados nas disciplinas que formam o Plano de Estudo do Curso, num período de no mínimo 2 anos.

Após ter sido aprovado nas disciplinas, o doutorando terá um ano para formular seu Plano de Tese. O mesmo deve ser acompanhado pela conformidade do Orientador de tese, que pode ser proposto pelo candidato ou nomeado pelo Comitê Acadêmico do Curso.

Os doutorandos que possam confirmar uma formação geral como pesquisadores por ter obtido o Diploma de Mestrado ou desenvolvido trabalho de pesquisador em alguma organização específica, ou outras razões fundadas, poderão ser dispensados pela “Comisión de Doctorado” de até 100 horas do curso de Doutorado, correspondentes ao ciclo de formação geral.

Possui uma organização SEMI-ESTRUTURADA, de aulas presenciais.

O Plano de Estudo se integra com um trajeto, que definem a formação geral do doutorado dentro de parâmetros atualizados e rigorosos da pesquisa no campo da Saúde Pública, de modo que sirvam de marco epistemológico e metodológico, independentemente do interesse do doutorando.

O Plano de Estudo é configurado por um ciclo de formação específica, composta por seminários doutorais vinculados ao campo das Ciências das Saúdes relacionados às áreas orientadas ao campo da ênfase selecionada do Diploma que se outorga: área de “Epistemologia” ou área de “Sistemas e Serviços da Saúde”.

O doutorando deverá cumprir todos os compromissos acadêmicos ao ciclo de formação específico com a proposta aprovada pelo comitê acadêmico do doutorado, além de eleger os seminários tendo em consideração que, para obter o diploma deverá realizar os cursos optativos.

ÊNFASE EM EPIDEMIOLOGIA:

Cultura e Saúde
Determinante Social da Saúde
Epidemiologia da Saúde Mental
Sistemas de informação em epidemiologia
Saúde Internacional

ÊNFASE EM SISTEMAS E SERVIÇO DE SAÚDE:

Administração e gestão em saúde
Debates e dilemas éticos atuais no âmbito da saúde
Direito da saúde
Direito dos pacientes
O direito do trabalho e os profissionais das saúdes
Modelo de financiamento dos sistemas de saúde
Política comparada em saúde

TESE

Digitalização do diploma de graduação;
Digitalização do histórico escolar de graduação;
Digitalização da cédula de identidade (RG, não será aceito outro documento de identificação);
Currículo resumido ou link para o currículo da plataforma Lattes;
Digitalização do comprovante de residência.

Este curso não exige que o aluno tenha feito um mestrado, entretanto, possuir o titulo de mestre e ter realizado cursos de pós-graduação pode ajudar no processo de seleção.

“ Devido à pandemia de COVID-19 o Ministério da Educação da Argentina através da CONEAU – Comisión Nacional de Evaluación y Acreditación Universitaria (Órgão Similar a CAPES Brasileira) , autorizou excepcionalmente que os cursos ofereçam até 30% da carga horaria de forma online, visando manter os protocolos de distanciamento social. Por este motivo a universidade poderá oferecer aos alunos a opção de assistir um dos módulos nesta modalidade ( ONLINE ). As aulas serão ao vivo e o aluno deverá estar presente durante todo o horário das aulas que será o mesmo que nos períodos presenciais. “

“O aluno poderá optar por não assistir o módulo online, sendo realocado automaticamente para o próximo módulo oferecido na modalidade presencial.”

Para se inscrever em qualquer um de nossos cursos, o candidato deve primeiro enviar seu currículo para que a universidade realize uma avaliação e diga se ele pode ou não fazer o curso.

Esse processo não tem custo e geralmente leva apenas 24 horas.

Os currículos para análise devem ser enviados por e-mail para info@sensu.com.brnão esqueça de informar no e-mail o curso que tem interesse!

Terminada a análise, o candidato recebe um comunicado por e-mail com o resultado e instruções sobre os próximos passos.

OBS: Não existe um modelo padrão de currículo, mas é importante destacar a formação acadêmica e qualquer atividade que envolver docência ou pesquisa! Também são aceitos links para os currículos da plataforma Lattes!!





Autorizo que a SENSU envie informações via Whatsapp através do número cadastrado.


Open chat